Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Despesas do início de ano: como se preparar e não ficar no aperto

Início de ano é marcado por novas metas, desafios e despesas que batem à porta logo em janeiro. Contas parceladas do ano anterior, material e matrículas escolares, IPTU, IPVA e muitas outras despesas: como manter o orçamento em dia diante de tantos gastos inevitáveis? 

Confira a seguir uma lista completa com as principais informações sobre cada pagamento obrigatório, prazos, opções de parcelamento, descontos  e como se planejar de maneira mais eficiente para não passar aperto.

IPTU

A sigla significa Imposto Sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana. É um tributo anual que incide sobre todos os proprietários de imóveis e terrenos do país.

Como é calculado o IPTU?

  • A base do cálculo é feita pelo valor venal do imóvel, ou seja, o valor pelo qual ele seria vendido, caso estivesse à venda. Varia conforme o tipo, região, condições e idade da propriedade. 
  • Sobre o valor venal, incide uma alíquota: a taxa que determina o valor total a ser pago de imposto. Ela varia conforme o tipo do imóvel (residencial, terreno ou comercial) e são as prefeituras de cada município que as definem.
  • Este imposto incide sobre propriedade urbanas, no caso de áreas rurais é cobrado o ITR (Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural).

Pode ser pago de forma parcelada durante o ano, geralmente, em até 10x ou à vista, com desconto de em média 3%.

Como pagar o IPTU?

Os boletos são enviados pelas prefeituras no início de Janeiro e você pode pagar no RecargaPay com o saldo da carteira ou cartão de crédito à vista ou parcelado em até 12x.

O vencimento varia conforme o município, por isso, fique de olho! Para não perde o prazo de pagamento, agende um lembrete no nosso App. 

IPVA

Logo em janeiro, outro gasto também precisa entrar no orçamento de quem possui um veículo, o IPVA –  Imposto sobre Veículos Automotores. É cobrado anualmente e sem ele, o automóvel não pode circular em território nacional.

Como é calculado o IPVA?

  • Assim como o IPTU, o IPVA também é cobrado sobre o valor venal do veículo. 
  • Os valores e a alíquota do imposto variam conforme o Estado, em que o automóvel está, modelo e ano.
  • A tabela com os valores é disponibilizada e atualizada pela Secretaria da Fazenda do Estado, anualmente.

Como pagar o IPVA?

Pode ser parcelado em até 3x ou à vista, com desconto. A data de vencimento varia conforme o número final da placa do veículo e você também pode pagar no RecargaPay.

DPVAT

A sigla significa Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores Terrestre. É um seguro obrigatório, que indeniza vitimas e famílias, em casos de acidentes de trânsito, que gerem invalidez permanente ou morte.  Ele também cobre e reembolsa possíveis despesas médicas de todos os envolvidos.

Mesmo que seja pago um seguro particular, o DPVAT é obrigatório e sem ele não é possível fazer o licenciamento anual do veículo.

Qual o valor do DPVAT?

Em 2021, o DPVAT foi zerado. Em 2020, os valores eram:

Veículo Valor
Automóveis R$ 5,21
Ciclomotores​​ R$ 5,65
Caminhões R$ 5,76
Micro-ônibus com frete R$ 8,08
Ônibus, micro-ônibus e lotações sem cobrança de frete R$ 8,08
Ônibus com cobrança de frete R$ 10,53
Motocicletas, motonetas e similares R$ 12,25

Para 2022, a tabela ainda não foi divulgada.

Quer saber mais sobre o DPVAT? Acesse o site da Susep.

Como pagar o DPVAT?

É pago em parcela única e sem desconto. O boleto deve ser gerado no site da Seguradora Líder.

Matrículas e materiais escolares

Para universitários ou estudantes da rede particular, além da mensalidade, é cobrada uma taxa de matrícula, logo no início de um novo período letivo. Geralmente, as instituições podem aplicar descontos, se os boletos forem pagos em determinadas datas. 

Já para quem tem filhos, o material escolar é outra despesa necessária logo no começo do ano.  A dica para manter a economia é: pesquise valores e veja o que dá para ser reutilizado do ano anterior. É importante também, prestar atenção aos itens solicitados pelas escolas. Materiais de higiene, por exemplo, são proibidos. Saiba mais, no site do Procon.  

Seguros 

Independentemente dos seguros, todos passam por reajustes e renovações anuais, que podem ser cobradas logo em Janeiro. É importante verificar a sua apólice para se planejar.

Gastos e parcelas do ano anterior

Sabe aquela viagem paga em 12x ou presentes da família? Esses gastos também devem entrar no seu planejamento financeiro, junto às despesas citadas anteriormente.

Tente quitá-las logo no fim do ano anterior ou no início do novo. As parcelas do décimo terceiro, podem ajudar.

Conte com a gente!

E para te ajudar a manter o orçamento em dia, você pode contar com o nosso empréstimo. Ele é pensado para situações emergenciais e pode ser uma ótima alternativa no pagamento das contas de início de ano.