Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Banco Central oferece consulta de valores a receber de instituições financeiras.

O Banco Central disponibilizou à população brasileira uma consulta para verificar possíveis valores a receber de instituições financeiras. O serviço, batizado de Sistema Valores a Receber, é realizado em um site exclusivo para a pesquisa.

A iniciativa foi criada depois que uma cifra milionária de cerca de R$ 8 bilhões foi detectada e o dinheiro está parado em bancos e instituições financeiras de todo o país. Esse montante pertence a clientes – pessoas e empresas – que não sabem que possuem esses recursos e agora poderão sacá-los.

E como faz pra saber?

Quem tiver valores a receber será informado pelo sistema no momento da pesquisa e receberá a informação da data e o período para realizar a consulta do valor e o resgate. As datas serão agendadas de acordo com o ano de nascimento da pessoa ou da criação da empresa.

Confira as datas disponíveis para consulta de valor e agendamento do resgate de acordo com o ano de nascimento ou criação de empresa.

Antes de 1968 – entre 7 e 11 de março

De 1968 a 1983 – entre 14 e 18 de março

Depois de 1983 – entre 21 e 25 de março

Para quem perder essas datas, haverá um período de repescagem um dia depois do fim do prazo.

Como é possível resgatar o dinheiro?

Para solicitar o resgate é preciso ter cadastro no sistema Gov.br, plataforma do Governo Federal que centraliza centenas de serviços pela internet. Além disso, a pessoa deverá informar uma chave Pix da sua conta. Nos casos em que a instituição financeira não tenha aderido a um termo específico com o Banco Central, será preciso informar os dados de contato no sistema e o meio de pagamento ou de transferência.

A liberação das consultas de valor e resgates será feita por fases. De acordo com o Banco Central, o valor total estimado para a fase 1 é de R$ 4 bilhões para pessoas físicas e jurídicas.

Em alguns casos, os saldos a receber podem ser de pequeno valor, mas ainda assim o BC orienta o cidadão a sacar o dinheiro.

E qual o prazo para devolução do dinheiro?

Os valores solicitados por usuários que realizarem o cadastro no sistema Gov.br e indicarem a chave Pix devem ser devolvidos pelas instituições em até 12 dias úteis.

Importante!

Os dados e os valores fornecidos no sistema são de responsabilidade das próprias instituições financeiras.

Cuidado com os golpes!

Para evitar fraudes e golpes, o Banco Central criou algumas regras e restrições. Fique de olho!

– O único site para consulta e solicitação desses valores é este: valoresareceber.bcb.gov.br.

– Nenhuma instituição deverá enviar links e nem entrar em contato com as pessoas para tratar sobre valores a receber ou confirmar dados pessoais. Portanto, não clique em links enviados por e-mail, SMS, WhatsApp ou Telegram.

– Ninguém está autorizado a entrar em contato com o cidadão em nome do órgão ou do Sistema Valores a Receber.

– Não é necessário fazer qualquer tipo de pagamento para ter acesso aos valores. Se esses pedidos ocorrerem, são golpes.

Dica para quem tem dinheiro a receber

Com o Pix você transfere o dinheiro pro RecargaPay e aproveita todos os benefícios dos nossos serviços: pagamento de contas e boletos, recargas de celular e cartão de transporte, vale-presentes e muito mais.

Gostou desse conteúdo?

Em breve a gente traz mais novidades!